Como montar uma loja virtual: confira os pontos principais! - Home
Ecommerce
Como montar uma loja virtual: confira os pontos principais!

Como montar uma loja virtual: confira os pontos principais!

Empreender em um negócio virtual tem uma série de vantagens para você que deseja começar uma empresa de sucesso. Mas, para isso, sabemos que é preciso investir tempo e dinheiro para ter maiores chances de potencializar sua rentabilidade. Mas, como montar uma loja virtual e quais são os pontos de atenção principais?

Por isso, é fundamental que você esteja atento para o passo a passo, a fim de minimizar erros e aproveitar oportunidades existentes no mercado. Afinal, sabemos que o e-commerce está cada vez mais em alta e você precisa aproveitar isso.

Mas afinal, como montar uma loja virtual exatamente? Separamos um passo a passo a seguir e tire suas dúvidas. Confira!

1. Estude o público-alvo

Um primeiro passo é, justamente, entender melhor qual será o seu público-alvo, suas necessidades e como ele realiza as compras no dia a dia em uma loja virtual e, assim, definir quais são as ações que você deve trazer para seu negócio para atrair ainda mais clientes.

Por exemplo, se o seu público-alvo precisa de mais informações sobre os produtos antes de concretizar, estando acostumados a conversar com um atendente para tirar suas dúvidas. Neste caso, sua loja virtual precisa facilitar o acesso via chat para que a pessoa possa tirar suas dúvidas sobre o assunto.

Por isso é tão importante estudar os padrões do público-alvo, que podem envolver questões tais como:

  • Como encontram o e-commerce(redes sociais, sites de buscas, entre outros);
  • Como fazem o percurso de compra desde a entrada no site até a concretização da compra;
  • O que afasta a pessoa do e-commerce;
  • Se ela gosta de tirar dúvidas com atendentes ou não;
  • Quais métodos de pagamento são mais usados.

2. Escolha os produtos que deseja vender

Analisando o perfil do seu público-alvo é possível identificar quais são os melhores produtos que você pode vender. Isso permite pensar, por exemplo, em qual a demanda do mercado atual e quais brechas ainda faltam para atender ou, então, analisar quais produtos estão em alta para que você possa comercializá-los.

Com isso você consegue identificar quais são as possibilidades de atuação para seu negócio e expandir sua capacidade de atuação. Por exemplo, um mercado que está em alta é revenda de produtos eletrônicos. Se o seu público-alvo tem essa demanda, são itens que não podem faltar.

Além disso, você pode escolher itens que tenham um diferencial que o coloque à frente de outros no mercado. Por exemplo, lojas de camisa com estampas divertidas têm como diferencial as artes únicas que o negócio comercializa. Com isso, há maiores chances de fidelização

3. Utilize uma plataforma confiável

A escolha de uma plataforma virtual para criar uma loja virtual eficiente é fundamental para que você possa oferecer a melhor experiência para seus clientes. Isso vale desde agilidade (por exemplo, que o site não trave durante o uso) a, até mesmo, segurança das informações.

As ameaças cibernéticas causam danos graves para o dia a dia dos e-commerces, tanto no que diz respeito a prejuízos financeiros diretos ou, então, indiretos, com a perda de credibilidade junto ao público.

Isso porque o vazamento de dados pessoais ou realização de fraudes com dados financeiros podem fazer com que a pessoa perca a confiança em seu negócio e não faça mais compras no site. Por isso, escolher uma plataforma confiável é fundamental para garantir o sucesso do seu negócio.

4. Ofereça diversas formas de pagamento

Cada vez mais precisamos estar atentos para as novidades do mercado para incorporá-las nas lojas virtuais. E a praticidade de algumas formas de pagamento pode ser altamente convidativo para seus potenciais clientes.

Por exemplo, cada vez mais temos presença de métodos alternativos de pagamento, bem como novas formas de transações econômicas também começam a surgir (por exemplo, a criação do Pix). É importante que você, como empreendedor de uma loja virtual, esteja atento para isso e traga essas possibilidades de acordo com seu surgimento.

Para além disso, é importante considerar o uso de uma plataforma de pagamentos moderna, eficiente e, principalmente, segura. Afinal, com mais possibilidades de transações financeiras, os cibercriminosos encontram mais possibilidades de conseguirem atuar sobre brechas de vulnerabilidade para terem vantagens indevidas.

Por isso, é importante escolher com cuidado seu parceiro em formas de pagamento. Alguns critérios que precisam ser pensados são:

  • Se ele implementa protocolos e medidas de segurança necessários para manter os cuidados com os dados dos clientes e, também, para evitar fraudes na empresa;
  • Se há maior facilidade para entrar em contato e ter o suporte necessário em caso de dúvidas e problemas;
  • Se a empresa está constantemente em busca de atualizar tanto os protocolos de segurança quanto trazer as novidades para as formas de pagamento no dia a dia, entre outros.

5. Cuide da segurança dos dados dos seus clientes

Além dos cuidados com os serviços de pagamento, é fundamental que você busque proteger os dados dos seus clientes em todos os processos em sua loja virtual. Isso porque no dia a dia, muitas informações são retidas por uma série de razões e elas podem ser utilizadas por cibecriminosos para ações fraudulentas.

Outro ponto importante é que a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD) exige que você cuide dos dados dos seus clientes. Caso tenha algum tipo de problema, sua loja pode ser sancionada por negligência e, assim, gerar danos como multas e restrição no uso de dados, o que pode atrapalhar suas estratégias. 

Por isso, tenha também o suporte de um especialista em segurança de dados para implementar medidas importantes que ajudem a reforçar os cuidados que as plataformas e serviços de pagamento já trazem.

6. Atente-se para a entrega dos itens

Esse é outro ponto importante: fique atento para a entrega dos itens para seus clientes. Problemas gerados nos processos logísticos podem impactar consideravelmente a experiência do cliente e, assim, ela parar de comprar em sua loja. Por isso, também, tenha bons parceiros de transporte para ajudar.

Montar uma loja virtual envolve uma série de passos importantes para que você possa ter sucesso em seu empreendimento. Por isso, não deixe de considerar cada um dos pontos que trouxemos aqui, ok?

Para ajudar ainda mais você, leia este material incrível que preparamos e que poderá ajudar a potencializar ainda mais os resultados. Baixe e acompanhe!

2 thoughts on “Como montar uma loja virtual: confira os pontos principais!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

logo

A KOIN é uma instituição de pagamento, obedece às premissas da Lei nº 12.865, de 9 de outubro de 2013, e aos regulamentos e circulares do Banco Central do Brasil. A KOIN não é uma instituição financeira mas atua como correspondente bancária da BMP Money Plus Sociedade de Crédito Direto S.A., CNPJ n.º 34.337.707/0001-00, nos termos da Resolução nº. 3.954, de 24 de fevereiro de 2011, do Banco Central do Brasil.